Publicada em: 05/04/2021 14:20

CESIT/UEA forma profissionais de Engenharia Florestal e Licenciatura em Computação

A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) realizou na manhã desta segunda-feira (05), a colação de grau dos cursos de Engenharia Florestal e Licenciatura em Computação do Centro de Estudos Superiores de Itacoatiara (CESIT/UEA). A outorga aconteceu virtualmente pela plataforma Google Meet, com transmissão ao vivo no pelo canal oficial da UEA no YouTube.

A oradora da turma de Engenharia Florestal, Karolyne Emily Pereira, ressaltou que apesar de tantos obstáculos, principalmente causados pela pandemia da Covid-19, todos conseguiram alcançar a vitória de concluir a graduação. "Enfim este dia chegou. Parece que passou voando, mas cada um sabe o sufoco que passou. Tivemos reprovações inesperadas, chicletes grudados em sapatos, muitos baixos, fizemos amigos, família, amores, dores, conquistas e falhas, mas acima de tudo, tivemos aprendizados", conta a formanda, ao finalizar o discurso e desejar aos novos profissionais fé e força para enfrentarem as adversidades.

A paraninfa da turma de Licenciatura em Computação, professora Elisângela Silva, parabenizou os formandos por terem concluído mais um ciclo, e os encorajou a não desistirem quando deparados a uma crise. "A UEA forma, com o maior rigor de educação, técnica e melhoramento profissional, os alunos, de modo que a sociedade receba os melhores profissionais formados. Sintam-se honrados por serem formados como licenciados em Computação. Carreguem a bandeira de luta e trabalho desta Universidade, que estará com vocês no mestrado, doutorado, nas indústrias, em qualquer área que seguirem", disse a professora, que termina a fala orientando os alunos a acreditarem em si próprios.

Segundo a Pró-Reitora de Ensino de Graduação, professora Kelly Christiane de Souza, a UEA entrega à sociedade, profissionais compromissados com a vida, por saber que a formação não se trata apenas da construção técnica, mas foi embasada em uma construção humana. "Esperamos que vocês possam tornar a vida do ser humano mais digna e favoreçam processos e sistema para uma vida melhor. Que possamos fazer com que a aprendizagem seja algo prazeroso, e diminuir as diferenças que nos afastam dos estudantes. Vocês precisam celebrar com muita alegria, porque em um país onde ainda existe analfabetismo, concluir um curso de ensino superior no interior do estado do Amazonas é motivo de festa", conclui a professora Kelly.

ITENS ASSOCIADOS