Publicada em: 29/04/2021 08:49

Live da TV Lepete aborda 'Lawfare e os impactos na política nacional'

Com a premissa de trazer o conhecimento de estudo científico pra comprovar processos e fatos, o Programa Live Conversas Impertinentes, da TV Lepete, oferta mais um encontro que abordará o tema 'Lawfare e os impactos na política nacional: o caso Lula' e terá a participação dos advogados convidados doutores Cristiano Zanin e Valeska Martins. O programa é uma iniciativa do Laboratório de Ensino, Pesquisa e Experiências Transdisciplinares em Educação da Universidade do Estado do Amazonas (Lepete/UEA). A live acontece nesta quinta-feira (29), às 17h, no canal da TV Lepete no YouTube.

A coordenadora do Lepete, professora Eglê Wanzeler, explica que o termo 'Lawfare' faz referência ao uso de estratégias jurídicas como instrumento de perseguição, sem respeitar os direitos do indivíduo que se planeja atingir. "Para mim, é um tema muito valioso ao povo brasileiro, por pôr em pauta o processo de perseguição de pessoas públicas, como foi o caso de Lula, mas também de pessoas comuns. As ciências política e jurídica têm mostrado que o caso Lula foi um caso de Lawfare que determinou, fundamentalmente, os rumos da política nacional", aponta Eglê.

Ao falar sobre a importância do diálogo, a professora observa que é importante porque o Programa leva as pessoas a fazerem a própria analise e reflexão com mais criticidade, em torno de um projeto neoliberal que atende uma agenda exploratória, e como isso implica na aprovação de vários projetos, retiradas de direitos trabalhistas, privatização, entrega das riquezas brasileiras ao capital estrangeiro e na paralisação no sistema de saúde. "Estamos vivendo um momento de muito perigo na vida: viver é perigoso, respirar é perigoso. As conversas surgem como processo de provocação. Não podemos perder o foco, pois ainda vivemos tempos de limitações sociais", salienta Eglê.

Sobre o Programa Live Conversas Pertinentes

O Programa Live Conversas Pertinentes surgiu no início da pandemia do Coronavírus, durante a quarentena. Um momento em o isolamento não foi rígido o suficente, ao ponto de levar o estado do Amazonas a um colapso na saúde e desenfreou outros problemas na comunidade. A partir da percepção do cenário alarmante, o Lepete decidiu fomentar discussões acerca dessas problemáticas. O Laboratório já desenvolveu ações com a população, mas com a chegada da pandemia, os projetos foram parados. Foi quando o projeto surge como estratégia de comunicação com a sociedade. No projeto é debatido sobre violência contra crianças e mulheres, questões voltadas à causa indígena, como o vírus afetou das escolas, educação, saúde etc. Todas as conversas são abordadas no contexto pandêmico.

Texto: Guilherme Oliveira / ASCOM UEA

ITENS ASSOCIADOS