Publicada em: 07/05/2021 12:18

Artigo de professor da UEA recebe prêmio "Highlighted Student Research"

O artigo científico de "Importance of hydraulic strategy trade-offs in structuring response of canopy trees to extreme drought in central Amazon" foi contemplado pela revista suíça Springer, cujo fator de impacto é de 2,654, com o prêmio "Highlighted Student Research". A produção teve como coautor o professor do Centro de Estudos Superiores de Itacoatiara da Universidade do Estado do Amazonas (CESIT/UEA), Victor Alexandre Hardt Ferreira dos Santos.

O estudo, liderado pela doutoranda do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), Maquelle Garcia, teve destaque pela novidade e relevância que a pesquisadora Maquelle, na condição de uma estudante de pós-graduação, promoveu na área.

Sobre o trabalho

No artigo, são retratadas algumas estratégias observadas em árvores na Amazônia Central, durante eventos de seca extrema. Com "estratégias", os pesquisadores se referem a meios que vão desde a árvore possuir um sistema condutor de água resistente à seca até mecanismos finos de controle de abertura e fechamento dos estômatos para evitar a perda de água via transpiração. Trata-se de uma estratégia coordenada para ajudar árvores a sobreviverem durante uma seca extrema, de curta duração, na Amazônia Central.

Contribuição para o meio acadêmico

De acordo com o professor Victor Santos, foram encontradas compensações entre a regulação estomática e a segurança hidráulica de acordo com o tamanho da árvore. "Quanto maiores as árvores, menor foi a resistência do sistema condutor, mas o controle da perda de água via transpiração foi maior. Isso é novo para as florestas tropicais. Fornece uma nova visão sobre as respostas potenciais às mudanças climáticas em um ecossistema tropical sazonalmente úmido, que está particularmente em risco durante eventos climáticos, como o El Niño", explica Hardt.

Além do professor Victor, também foram coautores do artigo os pesquisadores Marciel José Ferreira, Valeriy Ivanov, João Vitor Ceron, Alacimar Viana Guedes, Scott Reid Saleska e Rafael Silva Oliveira. O estudo foi liderado em parceria com a Universidade do Arizona, Universidade de Michigan, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Para conferir a publicação, acesse o link abaixo.

ITENS ASSOCIADOS